Suas perguntas frequentes sobre exercícios de Kegel para bexiga hiperativa (OAB)


0

A disfunção dos nervos e músculos ao redor da bexiga pode levar ao mau controle da bexiga, perda urinária e bexiga hiperativa (BH). Com a bexiga hiperativa, os músculos da bexiga se contraem e tentam espremer a urina, o que pode causar micção frequente e urgente e, potencialmente, incontinência.

Os exercícios de Kegel são um tipo de treinamento do assoalho pélvico que ajuda a fortalecer os músculos que sustentam a bexiga, o útero e o reto. Esses tipos de exercícios são frequentemente recomendados para ajudar pessoas com problemas de bexiga, como bexiga hiperativa.

Neste artigo, respondemos a algumas perguntas comuns sobre como os exercícios de Kegel podem ajudar a controlar ou melhorar os sintomas da bexiga hiperativa.

Os exercícios de Kegel ajudam a bexiga hiperativa?

Os exercícios de Kegel são exercícios direcionados para fortalecer os músculos do assoalho pélvico que sustentam a bexiga e controlam a micção, entre outras coisas.

Os músculos do assoalho pélvico podem ser afetados por diversas causas, incluindo gravidez, parto ou lesão, bem como por algumas condições neurológicas. Quando isso acontece, os sinais que dizem à bexiga para se contrair e liberar urina podem não sinalizar adequadamente, levando a uma necessidade urgente ou frequente de urinar.

Para algumas pessoas com bexiga hiperativa, isso também pode causar perda de urina se os músculos que interrompem o fluxo de urina não estiverem funcionando corretamente. Exercícios para o assoalho pélvico, como Kegels, podem ajudar a fortalecer os músculos ao redor e dentro da bexiga para ajudar a evitar a incontinência e melhorar o controle da bexiga.

Vários estudos descobriram que os exercícios para o assoalho pélvico podem melhorar os sintomas da incontinência urinária, reduzindo a frequência e o volume das perdas de urina.

Estudos que examinaram o uso de exercícios para o assoalho pélvico em mulheres com BH descobriram que esse tipo de treinamento muscular pode ajudar a proporcionar melhorias significativas nos sintomas de BH – incluindo urgência, frequência e incontinência – com ou sem a adição de auxiliares de exercício, como Gravação Kinésio ou estimulação elétrica.

Como faço exercícios de Kegel?

Para realizar os exercícios de Kegel, você contrai, segura e relaxa os músculos do assoalho pélvico. Embora isso possa parecer simples, pode levar algum tempo e prática para dominar a técnica corretamente.

Para localizar os músculos do assoalho pélvico, imagine que você está tentando evitar a passagem de gases e contraia os músculos que usaria. Você deve sentir esses músculos puxando ou contraindo na área vaginal ou retal.

Você também pode tentar interromper a urina no meio do fluxo enquanto urina. Isso pode ajudá-lo a localizar os músculos do assoalho pélvico, mas os exercícios de Kegel não devem ser feitos enquanto você urina regularmente, pois isso pode enfraquecer os músculos do assoalho pélvico em vez de fortalecê-los. Também pode causar danos ou infecções na bexiga ou nos rins.

Se não tiver certeza se localizou os músculos do assoalho pélvico, você pode inserir um dedo na vagina ou no reto e contrair os músculos como se estivesse tentando reter a urina. Você deve sentir os músculos tensos ao redor do dedo.

Depois de localizar os músculos do assoalho pélvico, você pode começar a praticar os exercícios de Kegel com estas etapas:

  1. Certifique-se de que sua bexiga esteja vazia e sente-se ou deite-se em uma posição confortável, como deitar de costas com os joelhos dobrados, para começar. Você pode praticar exercícios em pé quando tiver certeza de que encontrou os músculos certos.
  2. Contraia os músculos do assoalho pélvico. Tente segurar o aperto por 3–5 segundos.
  3. Relaxe os músculos e relaxe totalmente o assoalho pélvico.
  4. Trabalhe até 10–15 repetições por sessão.
  5. Repita até três vezes por dia.

É importante não prender a respiração durante esses exercícios. Depois de se acostumar a realizar esses exercícios, diversifique suas sessões. Pratique com contrações mais curtas e rápidas ou em posições diferentes.

Ao fazer exercícios de Kegel, certifique-se de não contrair nenhum outro músculo do abdômen ou da pélvis, como estômago ou coxas. Apertar os músculos errados pode colocar mais pressão na bexiga e potencialmente piorar os sintomas da bexiga hiperativa. Respire profundamente e relaxe o corpo para evitar contrações musculares indesejadas.

Os músculos pélvicos tensos podem causar bexiga hiperativa?

O excesso de trabalho dos músculos do assoalho pélvico pode fazer com que eles se contraiam, o que pressiona a bexiga. Isso também pode causar urgência urinária e esforço ao urinar ou evacuar.

É importante não exagerar nos exercícios de Kegel – caso contrário, você poderá contrair demais os músculos pélvicos. Os exercícios de Kegel podem ser feitos regularmente, mas não tente fazer mais do que o recomendado.

Os músculos pélvicos tensos também podem ser causados ​​por muitos dos mesmos fatores que causam fraqueza dos músculos pélvicos, como estresse ou parto, e ambos podem levar à micção frequente ou urgente.

Trabalhar com um fisioterapeuta, como um especialista no assoalho pélvico, pode ajudá-lo a compreender melhor as causas dos sintomas da bexiga. Eles também podem ajudá-lo a ter certeza de que está fazendo os exercícios certos para ajudar a fortalecer os músculos sem causar muita tensão pélvica.

Quanto tempo leva para os exercícios de Kegel ajudarem a bexiga hiperativa?

Pode levar algum tempo até você começar a sentir os benefícios dos exercícios de Kegel, por isso é importante ter paciência. Pode demorar diversas semanas antes que os sintomas da BH comecem a melhorar.

Seguir um regime regular de 10 a 15 repetições três vezes ao dia pode ajudar a aumentar a força muscular e condicionar os músculos para resultados mais consistentes.

Os exercícios de Kegel podem curar a bexiga hiperativa?

É incomum que os sintomas da bexiga hiperativa desapareçam completamente, mas os exercícios de Kegel podem ajudar a resolver muitos dos sintomas, como a incontinência. No entanto, se você parar de fazer os exercícios de Kegel, existe a possibilidade de os sintomas recomeçarem.

É importante ser consistente com seu regime de exercícios Kegel, sem exagerar. Trabalhar demais os músculos do assoalho pélvico pode causar dor ou rigidez muscular. Isso pode causar mais sintomas na bexiga, bem como esforço intestinal ou dor durante o sexo.

Um fisioterapeuta pode ajudá-lo a desenvolver e seguir um plano que o ajude a aproveitar ao máximo seus exercícios de Kegel. Este plano pode manter os sintomas da bexiga hiperativa sob controle sem arriscar mais danos ao assoalho pélvico.

Quando devo ligar para meu médico?

Se você ainda não conversou com seu médico sobre os sintomas de BH, esse é um bom lugar para começar. Eles podem ajudá-lo a identificar a causa dos seus sintomas e se há mais alguma coisa que possa ser feita junto com os exercícios de Kegel para ajudar a aliviar os sintomas.

Eles também podem ajudá-lo a determinar se seus sintomas são causados ​​por músculos pélvicos excessivamente tensos, o que não seria ajudado pelos exercícios de Kegel.

Seu médico de cuidados primários também pode recomendar que você consulte um fisioterapeuta que possa ajudá-lo a desenvolver um plano de exercícios que atenda às suas necessidades específicas ou um especialista em obstetrícia e ginecologista (OB-GYN),

Mesmo que você não tenha sintomas de bexiga hiperativa, exercícios proativos para o assoalho pélvico podem ajudar evitar problemas de bexiga aconteçam. Se você corre o risco de sofrer danos no assoalho pélvico – está grávida, planeja engravidar ou está antecipando uma cirurgia pélvica – sua equipe de saúde pode trabalhar com você para desenvolver um plano para ajudar a prevenir problemas antes que eles surjam.

A lição

Os exercícios de Kegel são frequentemente recomendados para pessoas com bexiga hiperativa para ajudar a fortalecer os músculos do assoalho pélvico e melhorar o controle da bexiga. Depois de pegar o jeito, esses tipos de exercícios podem ser feitos a qualquer hora e em qualquer lugar.

Se você estiver com micção frequente e urgente ou vazamentos na bexiga, um fisioterapeuta pode ajudá-lo a desenvolver um plano de exercícios para o assoalho pélvico para ajudar a melhorar seus sintomas e proteger sua saúde pélvica.


Like it? Share with your friends!

0

What's Your Reaction?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win

0 Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *