A doença celíaca pode causar osteoporose?


0

A doença celíaca pode afetar sua capacidade de absorver nutrientes dos alimentos que você ingere. Isso pode aumentar o risco de osteoporose.

Mulher cortando legumes.
Imagens Getty/Westend61

Se você tem doença celíaca, pode não perceber que corre o risco de complicações a longo prazo, como a osteoporose.

Este artigo irá explorar as ligações entre a doença celíaca e a osteoporose e explicar como prevenir a perda óssea.

A ligação entre doença celíaca e osteoporose

A doença celíaca contribui para a perda de densidade óssea e aumenta seu risco de desenvolver osteoporose. Isso acontece quando as vilosidades danificadas do intestino não conseguem absorver cálcio e outros nutrientes vitais para a saúde óssea.

As pessoas atingem o pico de massa óssea por volta dos 25-30 anos. Depois disso, seus ossos começam lentamente a perder densidade e o risco de osteoporose (ossos frágeis) aumenta.

Se você tem doença celíaca, também corre um risco aumentado de desenvolver osteoporose em uma idade mais jovem.

De acordo com resultados agrupados de vários estudoscerca de 14% dos homens e mulheres na pré-menopausa com doença celíaca têm osteoporose.

Quase 40% têm baixa densidade óssea, também conhecida como osteopenia, que normalmente precede a osteoporose.

Compreender a doença celíaca e o seu impacto

Quando você consome glúten, seu sistema imunológico ataca erroneamente o revestimento do intestino delgado, causando inflamação e danos às vilosidades, as minúsculas estruturas semelhantes a cabelos que revestem o intestino delgado e ajudam a absorver os nutrientes dos alimentos.

Complicações a longo prazo ocorrem quando as vilosidades danificadas não absorvem nutrientes suficientes. Isso pode levar a deficiências de vitaminas e minerais, como ferro, cálcio e vitamina D. Essas deficiências aumentam o risco de osteoporose.

Vitaminas, minerais e saúde óssea

  • Cálcio é um mineral armazenado em seus ossos. Funciona para manter os ossos firmes, fortes e densos. Se a doença celíaca impedir que você absorva cálcio suficiente, seus ossos ficarão mais fracos e quebradiços com o tempo.
  • Vitamina D também desempenha um papel essencial porque ajuda a absorver mais cálcio que você ingere. Mesmo pessoas sem doença celíaca precisam de vitamina D para ajudar na absorção de cálcio.
Isto foi útil?

Os pesquisadores estão explorando outras razões pelas quais as pessoas com doença celíaca tendem a ter menor massa óssea. Por exemplo, a inflamação crónica que ocorre na doença celíaca pode também levar à perda óssea.

A inflamação desencadeia a liberação de citocinas, que são proteínas mensageiras. As citocinas podem aumentar a atividade das células que decompõem o tecido ósseo e diminuir a atividade das células que constroem o tecido ósseo.

Outras teorias sobre as ligações entre a doença celíaca e a osteoporose envolvem os seguintes fatores:

  • hormônios sexuais
  • hormônios de crescimento
  • microbiota intestinal

Riscos associados à doença celíaca e osteoporose

A doença celíaca não tratada aumenta o risco de fraturas, especialmente nos ossos dos quadris, coluna e pulsos.

Quando você tem osteoporose, seus ossos ficam quebradiços e frágeis. Mesmo pequenas coisas, como uma pequena queda ou uma colisão em uma mesa, podem causar fraturas ósseas.

Osteopenia

A doença celíaca não tratada pode causar osteopenia antes de causar osteoporose. A osteopenia é uma condição na qual os ossos apresentam densidade inferior à média, mas não baixa o suficiente para serem classificados como osteoporose.

Isto foi útil?

Fraturas e complicações relacionadas podem causar dor crônica, limitar sua mobilidade e afetar sua capacidade de realizar atividades cotidianas. Eles também podem levar à diminuição da força muscular e do equilíbrio, o que pode aumentar o risco de quedas.

A importância do diagnóstico da doença celíaca

A doença celíaca não tratada leva à perda óssea, por isso a intervenção precoce é fundamental para a prevenção.

Receber um diagnóstico oficial de doença celíaca é importante, mesmo que você tenha certeza de que a tem e já faça uma dieta sem glúten. Este diagnóstico ajudará os médicos a saber quais complicações procurar e quais medidas você pode tomar para evitá-las.

Prevenir a osteoporose quando você tem doença celíaca

Não há cura para a doença celíaca. A estratégia de manejo mais eficaz é seguir uma dieta sem glúten. Comer uma dieta sem glúten também é a melhor chance de prevenir a osteoporose.

Pesquisar mostrou uma associação entre doença celíaca não tratada (sem dieta sem glúten) e baixa densidade de massa óssea em adultos jovens.

Uma dieta equilibrada e sem glúten pode melhorar significativamente a densidade da massa óssea. Pesquisar mostra que a densidade da massa óssea na coluna e nos fêmures pode melhorar após 2 anos de alimentação sem glúten. Após 5 anos, a densidade da massa óssea apresentou melhora contínua.

Você ainda pode ter dificuldade em absorver alguns dos nutrientes essenciais para a saúde óssea, como:

  • cálcio
  • vitamina D
  • magnésio
  • fósforo
  • vitamina K

Você pode se beneficiar de certos suplementos nutricionais. Um médico pode ajudá-lo a decidir se os suplementos são adequados para você com base nos resultados dos exames de sangue.

Quanto cálcio eu preciso?

De acordo com Institutos Nacionais de Saúde (NIH)a ingestão diária recomendada de cálcio para adultos é de 1.000–1.200 miligramas (mg) por dia.

Isto foi útil?

Outra parte importante da prevenção da osteoporose é monitorar a densidade da massa óssea. Um médico pode recomendar uma varredura de densidade óssea, também conhecida como varredura DEXA. Esses exames podem ajudá-lo a entender mais sobre seu nível individual de risco de osteoporose.

Essas exibições também pode ajudar detectar precocemente a perda óssea, permitindo intervenção e tratamento precoces.

Medicamentos

Dependendo do seu nível de risco de osteoporose, o médico pode recomendar medicamentos que ajudem a diminuir a taxa de perda óssea. Antes de prescrever medicamentos preventivos, o médico considerará outros fatores de risco para osteoporose, como idade, sexo e saúde geral.

Os medicamentos mais comuns usados ​​para prevenir e tratar a osteoporose são chamados bifosfonatos. Esses incluem:

  • alendronato (Fosamax)
  • ibandronato (Boniva)
  • risedronato (Actonel)
  • ácido zoledrônico (Reclast)

Tratar a osteoporose quando você tem doença celíaca

O tratamento da doença celíaca e da osteoporose pode envolver uma combinação de medicamentos e modificações no estilo de vida para reduzir o risco de fraturas e outras complicações relacionadas aos ossos.

Os médicos podem prescrever medicamentos para a osteoporose, como os bifosfonatos, para ajudar a retardar a perda óssea.

Modificações no estilo de vida, como atividade física regular, também podem ajudar a manter ossos fortes e diminuir o risco de fraturas. Exercícios de sustentação de peso, como caminhada ou corrida, são particularmente úteis.

Você também pode instituir algumas estratégias de prevenção de quedas para ajudar a diminuir o risco de fratura. Isso pode incluir coisas como:

  • removendo riscos de tropeçar
  • instalando barras de apoio
  • usando calçado apropriado
  • usando dispositivos auxiliares conforme necessário

Remover

A doença celíaca e a osteoporose estão intimamente ligadas. Pessoas com doença celíaca correm maior risco de desenvolver osteoporose devido às dificuldades de absorção de nutrientes essenciais à saúde óssea, como cálcio e vitamina D.

O diagnóstico e o tratamento precoces da doença celíaca podem ajudar a prevenir a perda óssea e diminuir o risco de osteoporose.


Like it? Share with your friends!

0

What's Your Reaction?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win

0 Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *