Rússia silencia sobre reivindicação de armas de Teerã enquanto Ucrânia derruba drone construído no Irã


0

O Kremlin diz apenas que está a “desenvolver relações militares” com o Irão, enquanto a Ucrânia relata drones “raros”.

Drone Mohajer-6 do Irã
O drone Mohajer-6 é exibido durante a exposição de conquistas da indústria de defesa do Irã [File: Atta Kenare/AFP]

A Rússia recusou-se a comentar as alegações dos EUA de que o Irão poderia fornecer-lhe mísseis balísticos. A Ucrânia disse que derrubou um drone “raro” construído no Irã em meio a uma série de ataques durante a noite.

A Força Aérea Ucraniana disse na quarta-feira que abateu mais de uma dúzia de drones de ataque e um míssil de cruzeiro. O ataque noturno seguiu-se a um relatório das autoridades da região sul de Odesa de que um raro drone de ataque e reconhecimento projetado pelo Irã havia sido destruído.

A Força Aérea disse que a barragem noturna foi lançada do sudeste da Rússia e que uma combinação de unidades de defesa aérea em várias regiões centrais “destruiu todos os 14 drones inimigos Shahed-131/136”.

“O míssil de cruzeiro X-22 não conseguiu atingir o seu alvo e aterrou na região de Zaporizhia, numa área aberta, e a onda de choque danificou casas particulares. Não houve vítimas”, acrescentou em comunicado.

A Ucrânia tem-se preparado para um aumento dos ataques russos a infra-estruturas críticas – particularmente instalações energéticas – à medida que as temperaturas abaixo de zero se instalam.

Os ataques russos às infra-estruturas energéticas da Ucrânia no Inverno passado deixaram muitos no frio e na escuridão durante longos períodos. Desde então, Kiev recebeu mais sistemas de defesa aérea de seus aliados.

Drone ‘raro’

As autoridades da região de Odesa disseram na terça-feira que abateram um drone “raro” Mohajer-6.

“O UAV de reconhecimento e ataque [unmanned aerial vehicle] estava se aproximando sorrateiramente da região de Odesa”, disseram autoridades municipais.

O comunicado nas redes sociais disse que a Rússia comprou 30 drones no ano passado e que as forças de defesa aérea abateram um pela primeira vez em setembro passado.

O Mohajer-6 foi projetado para reconhecimento e ataque, pode transportar quatro mísseis guiados e tem um alcance de até 200 km (124 milhas) em 12 horas, acrescentou o comunicado.

O apoio do Irão à invasão da Ucrânia pela Rússia há muito que perturba os EUA. O Kremlin recusou-se na quarta-feira a comentar uma sugestão do porta-voz da Casa Branca, John Kirby, de que o Irão pode estar a considerar fornecer à Rússia mísseis balísticos para uso na sua guerra.

“Estamos desenvolvendo relações com o Irã, inclusive no campo da cooperação técnico-militar, mas não comentamos esta informação”, disse o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, aos repórteres quando questionado sobre a acusação.

Kirby disse que os Estados Unidos monitorariam a situação entre o Irã e a Rússia e tomariam as medidas apropriadas conforme necessário.


Like it? Share with your friends!

0

What's Your Reaction?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win

0 Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *