O que é um anexo evitável?


0

criança infeliz inclina-se sobre cuidador adulto

É sabido que os relacionamentos que um bebê forma nos primeiros anos de vida têm um profundo impacto em seu bem-estar a longo prazo.

Quando os bebês têm acesso a cuidadores receptivos e receptivos, é provável que eles cresçam com um apego forte e saudável a esses cuidadores.

Por outro lado, quando os bebês não têm esse acesso, é provável que desenvolvam um vínculo prejudicial a esses cuidadores. Isso pode afetar os relacionamentos que eles formam ao longo de sua vida.

Uma criança firmemente apegada ao cuidador desenvolve vários benefícios, desde uma melhor regulação emocional e níveis mais altos de confiança até uma maior capacidade de mostrar carinho e empatia pelos outros.

Porém, quando uma criança é apegada inseguramente ao cuidador, ela pode enfrentar uma série de desafios de relacionamento ao longo da vida.

Uma das maneiras pelas quais uma criança pode se apegar de maneira insegura aos pais ou responsáveis ​​é através de um apego evitado.

O que é apego evitável?

Um apego evitador é formado em bebês e crianças quando os pais ou responsáveis ​​estão em grande parte emocionalmente indisponíveis ou sem resposta na maioria das vezes.

Bebês e crianças têm uma profunda necessidade interior de estar perto de seus cuidadores. No entanto, eles podem aprender rapidamente a parar ou suprimir suas demonstrações externas de emoção. Se as crianças perceberem que serão rejeitadas pelos pais ou responsáveis ​​se expressarem, elas se adaptarão.

Quando suas necessidades internas de conexão e proximidade física não são atendidas, as crianças com apego esquivo param de buscar proximidade ou expressar emoção.

O que causa apego evitável?

Às vezes, os pais podem se sentir sobrecarregados ou ansiosos quando confrontados com as necessidades emocionais de uma criança e se fecharem emocionalmente.

Eles podem ignorar completamente as necessidades emocionais de seus filhos ou as necessidades de conexão. Eles podem se distanciar da criança quando procuram afeto ou conforto.

Esses pais podem ser especialmente severos ou negligentes quando seus filhos estão passando por um período de maior necessidade, como quando estão com medo, doentes ou feridos.

Os pais que adotam um vínculo esquivo com os filhos muitas vezes desencorajam abertamente as demonstrações externas de emoção, como chorar quando triste ou barulhento quando se anima.

Eles também têm expectativas irreais de independência emocional e prática para crianças muito pequenas.

Alguns comportamentos que podem promover um apego esquivo em bebês e crianças incluem pais ou responsáveis ​​que:

  • rotineiramente se recusa a reconhecer os gritos de seus filhos ou outras demonstrações de angústia ou medo
  • suprime ativamente as emoções de seus filhos, dizendo-lhes para parar de chorar, crescer ou endurecer
  • fica com raiva ou se separa fisicamente de uma criança quando mostra sinais de medo ou angústia
  • envergonha uma criança por demonstrações de emoção
  • tem expectativas irreais de independência emocional e prática para seu filho

Com o que se parece?

A ligação esquiva pode se desenvolver e ser reconhecida desde a infância.

Em um experimento antigo, os pesquisadores pediram aos pais que deixassem brevemente o quarto enquanto seus bebês brincavam para avaliar os estilos de apego.

Os bebês com um apego seguro choraram quando os pais foram embora, mas foram até eles e logo se acalmaram quando voltaram.

Os bebês com apego esquivo pareciam externamente calmos quando os pais saíam, mas evitavam ou resistiam ao contato com os pais quando retornavam.

Apesar da aparência de que eles não precisavam dos pais ou responsáveis, os testes mostraram que esses bebês estavam tão angustiados durante a separação quanto os bebês com segurança. Eles simplesmente não mostraram.

À medida que as crianças com um estilo de apego evasivo crescem e se desenvolvem, muitas vezes parecem externamente independentes.

Eles tendem a confiar fortemente em técnicas auto-calmantes, para que possam continuar a reprimir suas emoções e evitar procurar apego ou apoio de outras pessoas fora de si.

Crianças e adultos que têm um estilo de apego evitado também podem ter dificuldades para se conectar com outras pessoas que tentam se conectar ou formar um vínculo com elas.

Eles podem desfrutar da companhia de outras pessoas, mas trabalham ativamente para evitar a proximidade devido a um sentimento de que não precisam – ou não deveriam – precisar de outros em sua vida.

Adultos com apego esquivo também podem ter dificuldade para verbalizar quando têm necessidades emocionais. Eles podem ser rápidos em encontrar falhas nos outros.

Você pode evitar apegos evitáveis?

Para garantir que você e seu filho desenvolvam um anexo seguro, é importante estar ciente de como você está atendendo às necessidades deles. Lembre-se de quais mensagens você está enviando para mostrar suas emoções.

Você pode começar garantindo que todas as suas necessidades básicas sejam atendidas, como abrigo, comida e proximidade, com carinho e amor.

Cante para eles enquanto os balança para dormir. Converse calorosamente com eles enquanto troca a fralda.

Pegue-os para acalmá-los quando estiverem chorando. Não os envergonhe por medos ou erros normais, como derramamentos ou louça quebrada.

Qual é o tratamento?

Se você está preocupado com sua capacidade de promover esse tipo de vínculo seguro, um terapeuta pode ajudá-lo a desenvolver padrões positivos de parentalidade.

Os especialistas reconhecem que a maioria dos pais que adotam um vínculo esquivo com seus filhos o faz depois de formarem um com seus próprios pais ou responsáveis ​​quando eram crianças.

Esse tipo de padrão intergeracional pode ser um desafio a ser quebrado, mas é possível com apoio e trabalho duro.

Terapeutas focados em questões de apego costumam trabalhar individualmente com os pais. Eles podem ajudá-los a:

  • dar sentido à própria infância
  • começam a verbalizar suas próprias necessidades emocionais
  • começam a desenvolver laços mais íntimos e autênticos com os outros

Terapeutas focados no apego também costumam trabalhar juntos com os pais e o filho.

Um terapeuta pode ajudar a planejar com satisfação as necessidades do seu filho. Eles podem oferecer apoio e orientação através dos desafios – e alegrias! – que vêm com o desenvolvimento de um novo estilo parental.

Leve embora

O presente do apego seguro é uma coisa bonita para os pais poderem dar aos filhos.

Os pais podem impedir que os filhos desenvolvam um apego esquivo e apoiar o desenvolvimento de um apego seguro com diligência, trabalho duro e calor.

Também é importante lembrar que nenhuma interação isolada moldará todo o estilo de apego de uma criança.

Por exemplo, se você normalmente atende às necessidades de seu filho com carinho e amor, mas deixa-o chorar no berço por alguns minutos, enquanto você cuida de outra criança, se afasta para respirar ou se cuida de alguma outra maneira, tudo bem. .

Um momento aqui ou ali não tira a base sólida que você está construindo todos os dias.


Julia Pelly possui mestrado em saúde pública e trabalha em período integral no campo do desenvolvimento positivo da juventude. Julia adora caminhar depois do trabalho, nadar durante o verão e tirar longos cochilos à tarde com os filhos nos fins de semana. Julia mora na Carolina do Norte com o marido e dois meninos. Você pode encontrar mais trabalhos dela em JuliaPelly.com.


Like it? Share with your friends!

0

What's Your Reaction?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win

0 Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Choose A Format
Personality quiz
Series of questions that intends to reveal something about the personality
Trivia quiz
Series of questions with right and wrong answers that intends to check knowledge
Poll
Voting to make decisions or determine opinions
Story
Formatted Text with Embeds and Visuals
List
The Classic Internet Listicles
Countdown
The Classic Internet Countdowns
Open List
Submit your own item and vote up for the best submission
Ranked List
Upvote or downvote to decide the best list item
Meme
Upload your own images to make custom memes
Video
Youtube, Vimeo or Vine Embeds
Audio
Soundcloud or Mixcloud Embeds
Image
Photo or GIF
Gif
GIF format