O que a reorganização militar da Rússia significa para a guerra na Ucrânia?


0

A nomeação do general mais graduado da Rússia, Valery Gerasimov, sinaliza o esforço militar fracassado de Moscou e a política interna tensa, dizem analistas.

O ministro da Defesa, Sergei Shoigu, à esquerda, e Valery Gerasimov, agora o general mais graduado da Rússia, visitam o quartel-general das forças armadas russas envolvidas na Ucrânia [File: Sputnik/Gavriil Grigorov/Kremlin Reuters]

Kyiv, Ucrânia – O novo general da Rússia visitou as linhas de frente na Ucrânia apenas uma vez durante a invasão de quase um ano de Moscou – em maio.

E de acordo com alguns relatos, Valery Gerasimov, o homem agora encarregado de solucionar o conflito que se arrasta, se opôs à guerra antes que ela começasse.

O chefe do Estado-Maior de 67 anos e agora o general mais graduado da Rússia está no comando do que o Kremlin chama de “operação militar especial” na Ucrânia desde quarta-feira, substituindo Sergey Surovikin, que ocupou o cargo por apenas três meses. e supervisionou o bombardeio maciço de infraestrutura de energia e locais civis na Ucrânia.

“Gerasimov não planejou e rejeitou categoricamente [the war]”, disse Anatoly Lopata, que serviu como vice-ministro da Defesa da Ucrânia e chefe do Estado-Maior na década de 1990.

A suposta resistência de Gerasimov contradiz a opinião de seu chefe, o ministro da Defesa Sergei Shoigu, que estava entre um pequeno círculo de altos funcionários que planejaram a invasão que pegou a maior parte do Kremlin de surpresa.

Mas, apesar de suas objeções, Gerasimov e o restante dos altos escalões da Rússia que se opunham à guerra a abraçaram no final.

“Gerasimov não desistiu, não atirou em si mesmo – então, ele aceitou a guerra”, disse Pavel Luzin, um analista de defesa do centro de estudos Jamestown Foundation à Al Jazeera.

A reorganização militar ocorreu após meses de contratempos para as tropas russas na Ucrânia e ocorre em meio a uma retomada das hostilidades, já que a queda das temperaturas congela o solo lamacento e possibilita o movimento de tanques e outros veículos blindados.

INTERATIVO-QUEM É VALERY GERASIMOV

De acordo com Nikolay Mitrokhin, historiador da Universidade de Bremen, na Alemanha, a reorganização sinaliza o fracasso de Moscou em organizar uma nova ofensiva em Kyiv e no norte da Ucrânia.

“Finalmente ficou claro que a Rússia falhou em seus próprios planos de iniciar uma ofensiva massiva em janeiro”, disse ele à Al Jazeera.

Empreiteiros militares e de defesa não puderam fornecer equipamento suficiente e altos funcionários têm visitado fábricas militares e ameaçado seus gerentes, disse ele.

E apesar das tentativas de meses e pesadas perdas, as forças russas falharam em tomar a cidade oriental de Bakhmut e mudaram para a vizinha Soledar, a cidade de mineração de sal com uma população pré-guerra de 10.000 que eles alegaram ter capturado na noite de quinta-feira.

O general rebaixado, Surovikin, lutou para administrar a implantação de dezenas de milhares de homens russos recém-mobilizados e em grande parte destreinados.

Na véspera de Ano Novo, cerca de 400 desses recém-chegados foram reunidos em um único prédio na cidade oriental de Makiivka e foram mortos por um ataque ucraniano, disse Kyiv.

A Rússia, que raramente reconhece grandes perdas, admitiu 89 mortos e culpou as suas tropas por se terem identificado ao inimigo por terem utilizado telemóveis sem autorização.

A nova ofensiva provavelmente foi adiada para o final de fevereiro, mas um início tão tardio pode significar que os veículos blindados ficarão presos em solo descongelado, disse Mitrokhin.

Um especialista ucraniano concordou que a nomeação de Gerasimov pode anunciar uma nova fase na guerra.

“Estamos falando de uma nova ofensiva russa ou de preparativos para repelir um possível avanço das forças ucranianas”, disse Aleksey Kushch, analista baseado em Kiev, à Al Jazeera.

Guerra territorial do Kremlin

A centenas de quilômetros da Ucrânia, outra batalha está acontecendo – uma guerra territorial dentro dos muros do Kremlin pelo acesso ao presidente Vladimir Putin que se traduz em mais financiamento e poder.

Os clãs em guerra incluem ex-colegas de Putin e vizinhos de clube de campo que ele nomeou para altos cargos nos anos 2000. Eles estão competindo com tecnocratas mais jovens que ele começou a promover na última década.

Um dos novos clãs nos corredores do poder foi forjado entre o “chef” e o “buldogue” de Putin.

O “chef” é Yevgeny Prigozhin, um ex-criminoso condenado por roubo e fraude na década de 1980 que usou suas experiências na prisão para encontrar novos recrutas para a guerra.

Prigozhin ganhou seu apelido depois de ganhar inúmeros contratos de catering desde o início dos anos 2000.

Ele então fundou o Grupo Wagner, um exército militar privado que começou na linha de frente da guerra separatista da Ucrânia em 2014 e na Síria.

Além de milhares de mercenários, Prigozhin começou a alistar dezenas de milhares de presos de prisões russas, prometendo-lhes anistia e altos salários.

Um deles, Sergey Molodtsov, condenado a 11,5 anos de prisão pelo assassinato de sua mãe, foi morto no leste da Ucrânia e enterrado na cidade de Serov, no oeste, esta semana.

Prigozhin afirmou que suas forças lideraram a ofensiva russa no sudeste da Ucrânia e disseram que tomaram sozinhos a cidade de Soledar.

O general Surovikin supostamente era o aliado mais confiável do “chef” dentro do alto escalão.

Mas o maior aliado de Prigozhin tem sido o homem forte checheno Ramzan Kadyrov, apelidado de “buldogue de Putin”, que também se gabou de enviar seus partidários para as trincheiras, embora seu verdadeiro papel tenha sido contestado e até ridicularizado.

Tanto Prigozhin quanto Kadyrov estão em desacordo com os altos escalões da Rússia sobre o financiamento e seu papel na campanha.

Analistas ocidentais viram a ascensão de Gerasimov como um sinal de alerta para Prigozhin.

A nomeação de Gerasimov é uma “decisão política para reafirmar a primazia do Ministério da Defesa da Rússia em uma luta interna pelo poder na Rússia”, disse o Instituto para o Estudo da Guerra, um grupo internacional de analistas militares, na quarta-feira.

Mas o alto escalão também foi dividido.

A animosidade entre Shoigu e Gerasimov remonta a 2012.

Gerasimov “a priori não pode ter relações amistosas com Shoigu”, um oficial comunista menor e gerente de construção que chefiou o Ministério de Situações de Emergência da Rússia desde 1994, disse Lopata da Ucrânia.

A nomeação de Shoigu para ministro da Defesa em 2012 provavelmente teria antagonizado todo o alto escalão da Rússia, disse Lopata, que conheceu Gerasimov na década de 1990.

Gerasimov “era um homem razoável, não estúpido, não um sabotador. Ele pertence à casta dos chefes militares”, afirmou.

Essa “casta”, que iniciou suas carreiras no final da era soviética, sentiu-se marginalizada quando Putin iniciou as reformas militares e reduziu drasticamente o tamanho das forças armadas da Rússia.

Shoigu supervisionou a anexação da Crimeia e o apoio da Rússia aos separatistas no sudeste da Ucrânia em 2014.

Mas Gerasimov estava por trás do planejamento real e, em 2015, os promotores ucranianos o chamaram de “chefe ideólogo” da guerra separatista que matou mais de 13.000 e desalojou milhões.

No entanto, muitos separatistas têm sido altamente céticos em relação a Gerasimov.

“Estou com uma admiração sagrada aguardando as novas vitórias notáveis ​​que serão alcançadas por este gênio militar amplamente reconhecido”, escreveu Igor Strelkov, um ex-“ministro da defesa” dos separatistas em Donetsk sarcasticamente no Telegram na quinta-feira.

E muitos na Ucrânia, onde a resistência e a esperança permanecem fortes, concordam que o novo comandante não conseguirá impedir que a Rússia perca a guerra.

“Realmente não importa quem comanda, isso apenas mostra que a Rússia está em uma posição difícil em relação a sucessos, sucessos potenciais na Ucrânia”, disse Oleksiy Haran, professor de política da Kyiv Mohila Academy, à Al Jazeera.


Like it? Share with your friends!

0

What's Your Reaction?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win

0 Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *