Não cometa esses erros de design de interiores


0

Coisas para ter cuidado ao fazer uma reforma em sua casa

Projetando sua própria casa? Então não cometa esses erros amadores que literalmente todo mundo faz! As pessoas muitas vezes ficam entusiasmadas e compram itens para suas casas por capricho, sem primeiro planejar se isso vai ficar bem com sua casa. Isso não significa que aquele item específico não fique bem por si só – provavelmente sim, apenas que não significa que eles sempre se encaixam em todos os designs de casa.

O esquema de cores, a mobília e o layout desempenham um papel na determinação de como um novo item ficará em sua casa, se vai realçar seu design ou se destacar como um polegar machucado. Aprenda como evitar esses erros comuns para não queimar um buraco no bolso. Na Cutler, designers de interiores profissionais podem ajudá-lo a fazer ótimas escolhas de design.

1. Orçamento cuidadoso

Desnecessário dizer que é mais sensato criar um plano de orçamento detalhado antes de começar a comprar e decorar. Isso evita comprar itens que você acha que pode amar no início, mas pelos quais se desapaixonará ao colocá-los em sua casa, ou para evitar que não tenha mais dinheiro para comprar os outros itens essenciais de que precisa em sua casa.

2. Escala

Uma coisa que muitos amadores não sabem ao projetar suas casas é a importância da escala. Os designers de interiores geralmente incorporam diferentes alturas em uma casa, assim como a paisagem de uma cidade. Ter diferentes alturas de móveis, iluminação e acessórios pode adicionar dimensão à sua casa em vez de ter tudo na mesma altura, o que pode resultar em uma aparência simples.

Ter tudo na mesma altura, ou mesmo tamanho, pode fazer sua casa parecer muito desordenada e não há foco no seu design. Portanto, o truque aqui é realmente variar os tamanhos das peças que você coloca em uma sala. Se você não tem um bom olho para escamas, talvez contratar um designer de interiores profissional ajudaria, já que nem todo mundo tem um talento especial para escamas.

Portanto, além do orçamento, você precisa de uma planta baixa com medidas claras sobre onde deseja colocar seus móveis antes de sair para comprá-los. Existem muitos recursos online gratuitos que podem ajudá-lo a projetar uma planta baixa.

3. Tenha uma fonte de ajuda

O design de interiores não é tarefa fácil e, sem ajuda profissional, é provável que cometam erros. Ter apenas um par de olhos não é suficiente para identificar os erros que você deve evitar, porque todos nós perdemos coisas. Portanto, ter um par de olhos separado para ajudar a julgar suas decisões pode ajudá-lo a evitar cometer erros ao projetar sua casa.

Você pode pedir ajuda a um amigo, porque ele ou ela pode conhecer bem o seu gosto. Se você tiver orçamento para fazer isso, peça a um designer profissional para ajudar em certas áreas. Há designers que cobram por hora, então você não precisa pedir a um designer de interiores para planejar tudo porque isso pode ser desnecessariamente caro.

Os designers de interiores são treinados para inventar truques e podem realmente elevar a aparência da sua casa. No entanto, se você não concordar com as escolhas deles, você não precisa aceitá-las de forma alguma. Afinal, esta é a sua casa e você quer gostar do que ganha porque vai morar nela por muito tempo.

4. Obras de arte

As peças de arte podem realmente elevar a aparência da sua casa e torná-la personalizada. Paredes nuas não podem ser comparadas a uma parede cheia de peças de arte, sejam elas pinturas raras caras ou o primeiro desenho de um filho de 5 anos. O complicado aqui, no entanto, é como pendurá-los corretamente.

Em primeiro lugar, deve traçar as molduras e recortá-las para colar na parede. Isso ajuda a garantir que o local em que você colocar sua pintura seja exatamente onde você deseja e também lhe dá espaço para planejar como deseja organizar suas pinturas antes de se comprometer com um determinado arranjo desde o início. Dessa forma, você pode ter a liberdade de realmente brincar com os arranjos, tendo em mente a importância das escalas mencionadas acima.

5. Tecidos e têxteis

Muitas pessoas pensam que em design de interiores, você deve começar por decidir a cor e pintar suas paredes. O próximo passo seria combinar seus móveis com esse esquema de cores. No entanto, esse erro comum resultará em uma situação embaraçosa porque é muito mais difícil encontrar tecidos que você adora que combinem com as cores que você já tem nas paredes.

Em vez disso, é muito mais fácil escolher os tipos de tecidos que você deseja em sua casa e, em seguida, encontrar cores que combinem com eles. Os tecidos são muito mais difíceis de escolher, portanto, faça esta parte primeiro. Como você já tem seu orçamento, planta baixa e uma lista de móveis, pode começar a procurar os tecidos que deseja para seus tapetes, fronhas e muito mais. Portanto, a regra geral aqui é pintar as paredes por último.

6. Acessórios

Quando se trata de acessórios, é importante onde você os coloca. Muitos de nós pensamos que realmente não importa onde e como você os coloca, já que são pequenos. Por menores que sejam, podem afetar significativamente a aparência geral da sua casa antes que você perceba.

Em vez de colocá-los em toda a sua casa, coloque-os em grupos de três para parecer mais organizados. Você não precisa separá-los, pois isso parecerá bagunçado e desorganizado, especialmente se seus acessórios vierem em diferentes formas e tamanhos.

7. Ponto Focal

Os pontos focais são importantes porque proporcionam aos seus olhos um lugar para descansar e fazem com que os quartos pareçam mais arrumados. Se a sua sala for maior, você pode ter mais de um ponto focal. Mas a questão é, assim como o ponto anterior, organizá-los de forma que haja um propósito e significado para onde seus itens e móveis são colocados, em vez de espalhá-los.

Ter um ponto focal não precisa ser complicado. Por exemplo, o ponto focal da sua sala de estar é a televisão, e o resto da mobília do quarto pode ser organizado de forma a apontar para a televisão.

Outras salas podem ser um pouco mais difíceis de decidir quando se trata de um ponto focal. Cabe a você decidir se o ponto focal apóia o propósito da sala. Depois de ter esse ponto focal, você pode começar a organizar o resto de sua mobília.

8. Descarte o que você não gosta

Ao decorar a sua casa, esta é a chance de você descartar o que não deseja guardar. Você pode doá-lo, doá-lo a um parente ou redecorar esse item para caber em sua casa recém-mobiliada.

9. Adicione seu próprio toque

Pode ser muito tentador comprar uma casa com um visual já mobiliado, porque eles já foram codificados por cores e combinados. Isso fará com que sua casa não seja diferente das dos showrooms, porque não há nada que diga quem você é.

Pode haver muitas maneiras de adicionar seu próprio toque à sua casa, e pode até levar anos para fazer isso. Encha a sua casa com as memórias feitas com fotos. Não tenha medo de adicionar acessórios de que goste, embora nunca tenha visto tal combinação em outro lugar antes, porque é isso que torna a sua casa, sua casa.

Conclusão

Em suma, faça da sua casa uma casa única e confortável, na qual você deseja morar, e não cometa os mesmos erros de novato!


Like it? Share with your friends!

0

What's Your Reaction?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win

0 Comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Choose A Format
Personality quiz
Series of questions that intends to reveal something about the personality
Trivia quiz
Series of questions with right and wrong answers that intends to check knowledge
Poll
Voting to make decisions or determine opinions
Story
Formatted Text with Embeds and Visuals
List
The Classic Internet Listicles
Countdown
The Classic Internet Countdowns
Open List
Submit your own item and vote up for the best submission
Ranked List
Upvote or downvote to decide the best list item
Meme
Upload your own images to make custom memes
Video
Youtube, Vimeo or Vine Embeds
Audio
Soundcloud or Mixcloud Embeds
Image
Photo or GIF
Gif
GIF format